3 métricas de velocidade em sites mobile para vender mais

Você conhece quais as 3 métricas que mostram como um site mobile mais rápido impactam diretamente nos resultados do negócio na internet?

O Google divulgou uma matéria explicando algumas métricas de ouro pra quem deseja melhorar os resultados dos negócios em sites mobile.

A história que motiva o esforço de tornar um site mais rápido vem basicamente de péssima experiência de abandonar um site mobile porque ele era lento demais para carregar. Essa simples lentidão gera um impacto negativo bem grande na experiência de usuário.

E se, na crise em que vivemos, os consumidores buscam mais do que nunca resolver seus problemas com ajuda do smartphone, ter uma experiência rápida é fundamental.

Na verdade, um novo estudo traz uma visão bem mais clara do efeito positivo que a velocidade de uma página pode ter nas métricas de performance que importam para o marketing, como taxas de conversão, valores médios de pedidos e até mesmo page views.

A pesquisa, analisou os sites de 37 marcas líderes na Europa e nos EUA, ao longo de quatro verticais: varejo, consumo de luxo, viagem e geração de leads.

Os tempos de carregamento dos sites mobile foram monitorados a cada hora por 30 dias no fim do ano passado, e os resultados foram comparados com uma variedade de métricas típicas da jornada de compra em aparelhos móveis.

Como resultado, foram geradas 3 oportunidades para o item velocidade do site.

O primeiro: Sites mais rápidos levam mais pessoas a completar as compras.

Parece óbvio, mas muitos sites ainda não se preocupam com isso. Melhorar a velocidade do site aumenta as taxas de progressão em quase todas as etapas da jornada de compra mobile — desde a página inicial até o checkout — para a maioria das marcas.

Segundo: Sites mais rápidos significam maior permanência na página e maior número de compras.

Reduzir o tempo de carregamento dos sites mobile em apenas 0,1 segundo já trouxe grandes ganhos de desempenho. Mais especificamente, as taxas de conversão aumentaram 8,4% para o varejo e 10,1% em viagem.

Apenas no varejo, o valor médio dos pedidos aumentou 9,2%, enquanto nos sites de artigos de luxo, os page views por sessão cresceram 8%.

Terceiro: Sites mais rápidos têm menores taxas de rejeição.

Um em cada 5 sites de varejo e de artigos de luxo incluídos no estudo viu suas taxas de rejeição melhorarem em 0,6% e 0,2%, respectivamente. Os resultados foram ainda mais relevantes para as marcas de geração de lead: uma melhora de 0,1 segundo na velocidade mobile fez a taxa de rejeição cair 8,3% para metade dos sites do segmento analisados.

Bom, esse estudo deixa claro que otimizar as vendas online é tbm se preocupar com a velocidade do site para entregar uma experiência incrível.

Mas por onde começar?

Bom, as empresas capazes de desenvolver uma cultura que coloque o usuário em primeiro lugar verão os benefícios da melhora da velocidade dos sites. Os usuários de hoje estão cada vez mais ativos no celular, e é fundamental estar preparado par ajudar eles com experiências rápidas.

Comece descobrindo a situação da velocidade do seu site mobile, você pode usar ferramentas como o PageSpeed do Google ou pode solicitar para a InCuca.net.

Analise o impacto da velocidade nos seus resultados usando seus próprios dados, ou então os dados do estudo que apresentamos como referência. Você também pode solicitar para a incuca.net para ver como o seu site mobile se sai na comparação com a concorrência.

Incentive seus os líderes da sua empresa a tornarem a velocidade mobile uma prioridade da empresa, e a alocar os recursos necessários para isso.

Estabeleça uma estratégia para melhorar a velocidade do seu site, incluindo um orçamento e compartilhando com sua liderança técnica e comercial os KPIs da velocidade no mobile para garantir que esses profissionais também estejam de acordo e focados na mesma estratégia.

Acompanhe a velocidade do seu site e a conecte com os seus dados analíticos, e então veja o impacto das melhorias.

Não fique apenas na velocidade. Hoje em dia, os consumidores querem experiências que não sejam apenas rápidas, mas também pessoais e fáceis de usar. Assegure-se de que as suas equipes estão sempre trabalhando para melhorar a sua experiência mobile de uma maneira holística.